7/17/2013

Fifa se arrepende de ter aceitado a Copa no Brasil e pode voltar atrás



 
Era só o que faltava. Em entrevista divulgada pela agência alemã DPA, e reproduzida pela americana AP, nesta quarta-feira, o presidente Joseph Blatter afirmou que a entidade pode ter errado na escolha do Brasil como anfitrião da Copa do Mundo de 2014 caso as manifestações se repitam no ano que vem.

- Se isto acontecer outra vez temos de colocar em questão se fizemos a decisão errada na escolha da sede. O governo brasileiro está consciente que o Mundial não poderá ser conturbado – disse o suíço, segundo a nota divulgada pela AP à imprensa.
Em contato com a equipe do Globoesporte.com, a Fifa divulgou alterou a informação, dando uma nova versão sobre o que seria a resposta completa de Blatter sobre o tema:

- Se isto acontecer outra vez em 2014, então talvez nós tenhamos que nos questionar se tomamos a decisão errada de entregar ao Brasil o direito de ser sede. Porém, isso não acontecerá. Eu estou confiante que o Brasil vai entregar uma grande Copa do Mundo. É o lugar certo para estar. Porém, eu vou discutir esse e outros assuntos com a presidente Dilma Rousseff em setembro.

A verdade é uma só. Se as manifestações continuarem (e vão continuar), a Fifa pode cancelar a Copa no Brasil, deixando os elefantes brancos, perdão, os estádios sem a menor utilidade para o povo. Aliás, ocorrendo ou não a Copa no Brasil, nossos estádios estão destinados a se transformarem em ponto de encontro das elites, onde pobre só entra se for para trabalhar como empregado.

Carlos Newton