2/01/2014

Morre o radialista Tony Tavares em São Luis



O radialista Tony Tavares, de 49 anos, morreu na manhã deste sábado (1º), por volta das 5h, em São Luís. Ele estava internado há 45 dias no Hospital Universitário Presidente Dutra devido a problemas cardíacos. Tony Tavares passou por uma cirurgia, mas não resistiu e faleceu.
O radialista trabalhou por mais de 10 anos na Mirante FM e foi um dos pioneiros do reggae no rádio. Além de radialista, ele também era cantor e lançou um disco de reggae intitulado: Maranhão Roots Reggae. Foi um dos fundadores do programa Reggae Point, que ainda está no ar. Quando criado, o programa acontecia às 17h e hoje é transmitido às 20h.

O diretor da Mirante FM, Evandro Costa, lamentou a morte. "A capital do reggae lamenta a perda de uma grande divulgador, além de ser um grande compositor de reggae. São Luís perde muito. E para a Mirante é um grande jornalista que vai, que conviveu conosco durante anos. Uma perda grande", afirmou.

Levou o irmão Waldiney para o rádio, que foi quem o substituiu na Mirante. “Estou péssimo com isso. A gente não sabe muito bem o que fazer agora”, disse. O G1 também conversou com a irmã de Tony, Telma Tavares. “Estamos sobrevivendo. Não é fácil, mas estamos lutando”, declarou Telma. Ela confirmou o horário do início do velório às 10h no Pax União, no Canto da Fabril.

O sepultamento acontece neste sábado às 16h no Cemitério do Gavião, no Centro de São Luís.


Com texto do G1 MA.