8/17/2017

Com o fim do sistema taxis lotação, sindicato garante permanecer no serviço e prepara uma ofensiva que pode acontecer há qualquer momento

AÇAILÂNDIA - Aconteceu exatamente do jeito que nos nos falamos nesse noticioso, no mês passado. Falávamos naquela oportunidade, que  a prefeitura estaria procurando meios que fossem "legais",  para acabar de vez com o táxis lotação, e beneficiar a empresa de transporte coletivo (Lino X), empresa essa que até agora não se sabe como chegou na cidade, se houve uma contratação legal, ou quem estaria por trás disso tudo.?

O certo é que com a decisão de ontem baseada em uma lei aprovada em 2008 pelo o então prefeito Ildemar Gonçalves na época, onde teria decretado o fim dessa atividade, uma guerra sem precedentes deverá ocorrer nas próximas horas.

Sorriso pres. do Sindicato
Na reunião de ontem, ficou definido que que a partir de hoje  (17), só será permitido corrida, não podendo pegar passageiros em paradas.  Está previsto também para começar nessa data, uma especie de fiscalização pedagógica, e dia 24, o táxis que for flagrado transitando na cidade sem o taxímetro fazendo lotação, vai ter seu veiculo  apreendido.

REAÇÃO DA CLASSE
Ainda ontem após a reunião na promotoria, o presidente do sindicato dos taxistas francisco das Chagas popular (Sorriso), reuniu a classe e garantiu que vai recorrer e adiantou que seus advogados ja encontraram uma brecha nessa tal lei, e que até haver uma nova decisão, os táxis vão continuar trabalhando normalmente no mesmo sistema, ou seja, fazendo lotação normalmente.

Guerra vai começar....!