11/18/2015

Policial rodoviário é preso suspeito de cobrar propina e até televisor para não multar motorista

Um policial rodoviário federal foi preso na manhã desta terça-feira (17) durante uma operação da Polícia Federal denominada ‘Solitário’. O PRF é suspeito de cobrar propina de motoristas e liberá-los da infração. Cerca de trinta policiais federais cumpriram dois mandados de prisão temporária, quatro mandados de busca e apreensão e três mandados de condução coercitiva, nas cidades de João Pessoa, Bayeux e Pilar. Um motorista também teria sido preso na operação. Policiais rodoviários federais também participaram da operação. 
Conforme nota divulgada pela Polícia Federal, a Superintendência da PRF na Paraíba após ter detectado supostas condutas ilegais praticadas pelo policial apresentou as informações ao Ministério Público Federal (MPF) solicitando a abertura de investigação.

Durante o processo investigativo, segundo a PF, ficou comprovado que o policial, em parceria com um motorista de um caminhão guincho, cobrou dinheiro de um motociclista para não apreender o veículo. Como o condutor não tinha o valor, ele foi até em casa, pegou um televisor e entregou para o policial.

Conforme investigação da Polícia Federal, o PRF exigia propina de um funcionário público, chefe das atividades de transportes da prefeitura de um município paraibano. O pagamento era chamado de ‘vacina’.


Fonte: Portal Correio

0 comentários:

Postar um comentário