2/17/2014

" IMAGENS FORTES" Evangélico é encontrado morto dentro de um guarda roupas amarrado e com o corpo carbonizado

Na manhã deste sábado (15), um crime macabro chamou a atenção da população de Caruaru. Por volta das 7:30h, um homem foi encontrado morto, dentro de um guarda roupas na beira do canal, na rua Mississipi, no bairro Salgado.
O corpo da vítima, que foi identificada como,Jailson Francisco da Silva, de 24 anos, que morava em Garanhuns, estava parcialmente carbonizado, amarrado e envolto em um saco plástico. 
O morador da área, Ivanildo Feitosa, disse que é comum pessoas de desfazerem de móveis, abandonando-os na beira do canal e hoje por volta das 7:20h, ele passava pela outra margem do canal e observou que uma mulher estava olhando o guarda roupas, ele se interessou em levar o móvel para casa, mas como a mulher já demonstrou interesse em ficar com o objeto, ele foi embora e quando voltou, se deparou com dezenas de outros moradores da região, que tinham aberto o guarda roupas e encontrado o cadáver.
A vítima foi morta com pancadas na cabeça e golpes de um objeto perfuro cortante, possivelmente uma faca ou um facão e o delegado Dr. Erick Lessa, da DEAH (Divisão Especial de Apuração de Homicídios), informou que o crime ocorreu em outro local e o cadáver foi colocado dentro do guarda roupas na beira do canal, pois o móvel estava intacto, impossibilitando a hipótese do corpo ter sido queimado no local e outra evidência da desova, foi o fato do corpo está envolto em um saco plástico e amarrado.
Algo que chamou a atenção, foi que entre os documentos da vítima encontrados dentro do guarda roupas, havia uma carteirinha de membro de Igreja Assembléia de Deus, de Garanhuns. Ou seja, ao que tudo indica, a vítima era um evangélico e pode ter sido morto em um ritual satânico. Em virtude de está parcialmente carbonizado e em estado inicial de decomposição, o corpo foi encaminhado ao IML do Recife. Este foi o 3º assassinato do mês de fevereiro e o 17º do ano de 2014, em Caruaru.